Programas de transformadas e mínimos quadrados

Pringle, 1975 discute a necessidade de se incluir mais termos na fitagem. Para sabermos se, quando passamos de uma fitagem de uma reta para uma fitagem de uma parábola, a redução no $ S\equiv \chi^2\equiv \sigma^2$ é suficiente para que o termo quadrático seja significativo, podemos definir um parâmetro
$\lambda = \frac{\sigma_{reta}^2 - \sigma_{parab}^2}
{\sigma_{parab}^2}(N-3)$
e determinar o nível de confiabilidade que podemos descartar a hipótese do termo quadrático ser nulo por
$\lambda = F_p(1,n-3)$
onde a distribuição F é dada por
$F(a,b)=\frac{\chi^2(a)/a}{\chi^2(b)/b}$
F(a,b) é a função beta incompleta betai(x,a,b), a probabilidade de que uma variável randômica de uma distribuição beta de parâmetros a e b terá valor menor ou igual a x [Statistical Theory and Methodology in Science and Engineering. K. A. Brownlee. London and New York: John Wiley and Sons. 1960].

Página do CALTECH para cálculo de periodogramas por Lomb-Scargle DFT, Box Fitting Least Squares e Phase Dispersion Minimization. Volta Astronomia e Astrofísica


©
Modificada em 6 mar 2016